segunda-feira, julho 6


Cavei profundamente.
Procurei no fundo o amor.
Alcancei o limite, e o que?
Soterrei-me de amor.
Isso é amar, morrer por amor.
Morrer sem amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário